Toda a programação do escolha—arquitectura

— 17.11.2015


O Presidente da Secção Regional Sul da Ordem dos Arquitectos, Rui Alexandre apresentou no dia 17 de Novembro no CCB, o programa escolha—arquitectura, uma iniciativa destinada a incentivar a compreensão, o acesso e a importância da arquitectura como garante da qualidade dos espaços que habitamos. Trata-se de uma programação variada que pretende colocar os concursos de arquitectura no centro do debate sobre a cidade. Eis os detalhes:


novembro 2015 - julho 2016
Concursos temáticos
Não basta falar sobre a importância dos concursos. Há que promovê-los.

Uma série de concursos vão lançar a discussão em torno da sua importância na participação pública, no debate sobre a cidade e no envolvimento dos arquitectos com a sociedade. O primeiro de quatro é lançado já este dia 20 de Novembro no arquipélago da Madeira: é o Concurso de ideias Duas Casas nas Ilhas Selvagens, uma organização conjunta da Delegação da Madeira da Ordem dos Arquitectos, Secretaria Regional da Energia e Recursos Naturais e Parque Natural da Madeira. Candidaturas até 1 de Fevereiro 2016.

março 2016
Serviço de concursos
Democratizar os concursos, simplificar os procedimentos e generalizar a participação pública.


Queremos tornar o processo de geração de concursos mais ágil e capaz de responder a mais encomenda. Por isso criamos uma plataforma electrónica que pretende ser o principal elo de ligação entre arquitectos e promotores, públicos e privados. Um interface que garante o anonimato na submissão de propostas nos concursos de concepção abrangidos pelo CCP e que simplifica e torna acessível o concurso de arquitectura. Os arquitectos encontrarão aqui registo e acesso gratuito e redução dos custos de candidatura; os promotores, economia de tempo e investimento e tramitação integralmente digital.

março 2016
Directório de arquitectos
Encontrar um arquitecto deve ser fácil e intuitivo.

Aperfeiçoamos um mecanismo de pesquisa avançada que permite o acesso imediato a uma lista de arquitectos, sociedades de arquitectura ou colectivos.

março 2016
Simulador de custo de obra
Quanto pode custar uma obra? Quais os factores a ter em conta?

Desenvolvemos uma ferramenta digital de cálculo da estimativa de investimento necessário à realização de uma obra, incluindo o valor de construção e as taxas urbanísticas.

março-maio 2016
Boas práticas: Estórias que ligaram fregueses e arquitectos
A arquitectura é feita de pessoas e de estórias. Fomos à procura delas.


Convidamos um conjunto de arquitectos e respectivos clientes a contarem em frente a uma câmara a sua história de encontro à volta de uma obra de arquitectura. Produzimos um conjunto de vídeos documentais que ilustram as relações que, a propósito de uma encomenda, se estabelecem entre clientes e arquitectos.

Os protagonistas:

- Carlos Castanheira — Tiago Sousa Lopes
- Pedro Reis — Britta Pukall + Eric Schmid
- Catarina Almada Negreiros e Rita Almada Negreiros (Can-Ran Arquitectos) — Bérengère de Bodinat e Bruno Blanckeart
- Luís Pereira Miguel — Mário Domingues
- Miguel Marcelino — Cândido Vieira

março - maio 2016
Arquitectura em Concurso: Percurso crítico pela modernidade portuguesa
Os concursos de arquitectura possibilitam uma leitura das transformações em Portugal desde o início do século XX.

Sob a curadoria de Luís Santiago Baptista, Arquitectura em Concurso é o registo crítico desse percurso pela modernidade portuguesa. Apresenta-se em quatro formatos:

Exposição na Garagem Sul do CCB e na sede da Ordem dos Arquitectos de um conjunto de 43 obras portuguesas resultantes de concursos de arquitectura;
Debates em torno desse universo de obras;
Projecto educativo associado à exposição;
Publicação de um documento que se assume como uma investigação sobre o tema dos concursos em Portugal. Participam na publicação Ana Vaz Milheiro, Ana Tostões, Gonçalo Canto Moniz, Luís Tavares Pereira, José António Bandeirinha, Roberto Cremascoli, Pedro Bandeira, Nuno Grande, André Tavares, Jorge Figueira, Pedro Baía e Michel Toussaint.


Lista dos 13 projectos âncora da exposição Arquitectura em Concurso: Percurso crítico pela modernidade portuguesa.

- Keil do Amaral, Pavilhão de Portugal Exposição Universal Paris 1937, Paris, 1936-37
- A. J. Pessoa, P. Cid, R. J. Athougia, Fundação Calouste Gulbenkian, Lisboa, 1959-69
- Victor Figueiredo, ESAD, Caldas da Rainha, 1992-97
- OMA, Casa da Música, Porto, 1999-2005
- Gonçalo Byrne, Museu Machado de Castro, Coimbra, 1991-2010
- Álvaro Siza, Casa de Chá da Boa Nova, Matosinhos, 1956-63
- C. Rebelo, T. Pimentel, Museu do Côa, Vila Nova de Foz Côa, 2004-09
- Vittorio Gregotti; Manuel Salgado, Centro Cultural de Belém, Lisboa, 1988-92
- Eduardo Souto de Moura, Metro do Porto, Área Metropolitana do Porto, 1998-2006
- Manuel Graça Dias, Egas José Vieira, Sede da AAP, Lisboa, 1991-94
- Europan, 1998
- Concurso de Ideias Expo 98, 1993-98
- João Figueira/Pedro Pacheco; Marie Clement, Nova Aldeia da Luz / Museu, Igreja e Cemitério, Aldeia da Luz, 1995-2003.

Toda a informação em www.escolha-arquitectura.pt


Programa escolha—arquitectura