Seis histórias filmadas de Boas Práticas

— 15.03.2016


Feitas de uma massa de diálogos e compromissos, avanços e recuos, cedências e tensões, as histórias que ligam os arquitectos e os seus clientes são, por norma, o filme oculto da arquitectura. No âmbito do Programa escolha-arquitectura fizeram-se seis pequenos filmes, de cerca de 5 minutos cada, contando as histórias de outros tantos casos representativos de Boas Práticas na arquitectura.

O primeiro desses vídeos, lançado no passado dia 8 de Março na apresentação do Programa, contava a história do arquitecto Carlos Castanheira e do cliente Tiago Sousa Lopes em torno da Casa Adpropeixe, no Gerês. O segundo filme, aqui disponível, junta o arquitecto Luís Pereira Miguel e o cliente Mário Domingues e as suas histórias na construção das Casas Caiadas, em Arraiolos.

Nas próximas semanas, mais quatro filmes vão ser apresentados no site do escolha-arquitectura: a Casa sobre Armazém em Torres Novas, primeiro projecto da vida do arquitecto Miguel Marcelino e do cliente Cândido Vieira; a Casa em Melides, Grândola, que o arquitecto Pedro Reis desenhou para os suiços Britta Pukall e Eric Schmid enamorados por outra casa do arquitecto; a Mercearia do Vinho, em Lisboa, das irmãs Rita e Catarina Almada Negreiros cujo projecto de iluminação conquistou o cliente, Artur Paranhos; e a Casa em Santa Catarina, Lisboa, dos arquitectos José Maria Cumbre e Nuno Sousa Caetano que encontraram na Inês Alegre "a cliente perfeita".

Acompanhe-nos nesta viagem pelas histórias das pessoas em torno da arquitectura.